terça-feira, fevereiro 06, 2007

A Quinta Essência

Estar fora de controle, por querer ou não, é descobrir nas essências a verdadeira essência de quem se conhece desde que o sol lançou o primeiro raio.
Indiferentes ou não, todos nós perdemos , nem que seja por breves minutos, o controlo absoluto sobre as nossas acções. Ora porque nos lançamos nas essências raras, ora porque nos perdemos na nossa própria essência, e aí meus amigos não há espaço para a razão…As emoções saltam em primeiro lugar.
Descobrir este momento em que, por momentos, tudo se solta é descobrir a Lua quando as nuvens se perdem num lugar profundo, é soltar as amarrar de um barco, sem saber se este virá a chegar, ou não, a um porto seguro. É descobrir que a nossa vida é cheia de surpresas plenas, com sabor a sorrisos, penas e mesmo solidão.
Descobrir amigos, fados, espaços concretos ou abstractos e saber que é bom perdermo-nos por vezes com coisas que poderão sempre valer a pena, mesmo que às vezes nos deixem o sabor inquestionável de quem dá o primeiro beijo, faz amor com a pessoa que ama e vê a primeira estrela despontar.

1 comentário:

Niagara disse...

Não há culpa que não tenha desculpa.